Quando é necessário usar o aparelho auditivo?

Coceira no ouvido: o que pode ser? Como tratar?
19 de março de 2019

O aparelho auditivo, também chamado de prótese auditiva acústica, é um pequeno dispositivo que deve ser colocado diretamente no ouvido para ajudar a ampliar o volume dos sons, facilitando a audição de pessoas que tiveram perda desta função, de qualquer idade, sendo muito comum em idosos que perdem a capacidade auditiva por causa do envelhecimento. 

Existem diversos tipos de aparelho, de uso interno ou externo à orelha, compostos por microfone, amplificador de som e auto-falante, o que aumenta o som para chegar ao ouvido. Para o seu uso, é necessário ir no otorrinolaringologista e fazer exames de audição, como audiograma, para saber qual o grau de surdez, que pode ser leve ou profunda, e escolher o dispositivo mais adequado.

Quando é necessário usar

Os aparelhos auditivos são indicados pelo otorrinolaringologista para casos de surdez por desgaste do sistema auditivo, ou quando há alguma situação ou doença que provoca dificuldade para a chegada de som no ouvido interno, como:

  • Sequelas de otite crônica;
  • Alteração das estruturas do ouvido, por um traumatismo ou por uma doença, como a otosclerose;
  • Danificação das células do ouvido por excesso de ruídos, por trabalho ou ouvir música muito alta;
  • Presbiacusia, em que acontece degeneração das células do ouvido devido ao envelhecimento;
  • Tumor no ouvido. 

Quando há qualquer tipo de perda da audição, deve-se passar pela avaliação do otorrinolaringologista, que irá avaliar o tipo de surdez e confirmar se há necessidade de uso do aparelho auditivo ou se será necessário algum medicamento ou realização de alguma cirurgia para tratamento. Em seguida, o fonoaudiólogo será o profissional responsável por indicar o tipo de aparelho, além de adaptar e acompanhar o aparelho auditivo para o usuário.
Além disso, no caso de uma surdez mais grave, do tipo neurossensorial, ou quando não há melhora da audição com o aparelho auditivo, pode ser necessário o implante coclear, um equipamento eletrônico que estimula diretamente o nervo auditivo através de pequenos eletrodos que levam os sinais elétricos ao cérebro que os interpreta como sons, substituindo totalmente o ouvido de pessoas que têm surdez grave.

Não se esqueça, esse artigo é só para te auxiliar a saber quando seus problema auditivos podem ser mais graves, mas nada substitui a avaliação de um especialista!

Texto: Tua Saúde/Adaptação de texto: Agência Netshare.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *